terça-feira, 6 de setembro de 2016

Publicidade enganosa: Adults Only ou um post cheio de estrangeirismo e nenhum futebol


É verdade que é parolo, mas aquela coisa dos hotéis Adults Only, deixa-me sempre um sobrolho franzido e um sorrisinho maroto. Eu sei, eu sei, não é nada disso, são estabelecimentos como os outros todos do seu género, mas nos quais não se admitem menores. Quer dizer que têm a mesma quantidade industrial de cloro na piscina, os mesmos papos-secos descongelados ao pequeno almoço e a mesma compota do LIDL. Mas não têm putos a fazer bombas na água, nem aos berros no buffet, nem todos lambuzados de doce de morango, a darem beijocas nas avós.

Eu nunca tive oportunidade de me alojar numa coisas destas. Houve sempre crianças nas minhas férias. E saltos para piscinas nas quais era proibido saltar. As crianças também saltavam. 

However, sei muito bem o que são estes Adults Only - mesmo sem lá ter estado - e percebo a ideia. O sossego de quem não está para aturar os filhos dos outros é um valor que me inspira respeito. Como não fumar para cima de pessoas que não fumam ou não querem levar com o fumo de outrem; ou mijar para os pés do porteiro da disconaite. Que foi? Nunca beberam um pouquinho demais ao jantar, kéjber?

Confesso que preferia o tempo em que podia ignorar o que já sabia, mantendo aquela ideia romântica de que se tratava de locais onde se passavam coisas espetaculares. Tipo, andava tudo enrolado a eito unscujôtros pelo lobby afora. Um forrobodó tal, que nem os quartos tinham portas, nem os hospedes tinham quartos designados. 

Na minha modesta opinião, embora menos quiet, era muito mais engraçado do que um bando de casais de meia-idade - detesto gente de meia-idade - com ar circunspecto, au bord de la piscine, com os seus livros complicados. Romances históricos e coisas sobre guerras e enciclopédias e assim.

Também pensava que poderiam ser uma coisa menos sexual. Já se vê que seria uma segunda opção. Mas ainda assim, era catita serem hotéis onde se alojariam assassinos psicopatas e os vilões dos super-heróis e monstrengos e zombies e isso tudo. 

A malta ia para lá e recebia uma bazuca de raios lazer e a pistola do Dirty Harry e as armas todas do Doom. E depois fazia-se à vida, durante a semana que lá ficasse. A ver se chegava ao fim das férias. Pelo caminho, limpava o sebo aos velhotes de meia-idade que fosse encontrando. 

- Estou a ver. Adults only, uh? - Atira os braços para a nuca, a puxar o cabelo num rabo de cavalo, com o elástico entre os dentes e os olhos claros a troçarem. - Consigo imaginar-te nesse lugar. E à Lara Croft. Sempre achei que daria uma bela Lara Croft, eu. - Concentra-se nos amendoins, como que por acaso.

- Hã?

- Nada, Silva, nada, deixa lá. Não és parolo, és só burro mesmo...

...

Em compensação, ninguém se lembrou ainda de arranjar uma carruagem adults only nos comboios de longo curso. E deviam! No sentido de evitar que a pessoa, a precisar de repor ajóras de sono, fosse acordada pelo berreiro de um catraio lá de trás, com a respetiva mãe lá de trás aos shhh shhh. 

Parece a porra da falua que lá vem, lá vem. Nem as fuças se lhes vê, mas ouvem-se-lhes as goelas e os shhh shhh duplamente irritantes, como se estivesse um gajo encostado à coluna num concerto da Cindy Lauper. Não é o decibel que incomoda, é o tom do agudo que enerva.

Também podiam excluir as pessoas que passam duajóras seguidas ao telefone. Não que tenha alguma coisa a ver com as suas contas, só não quero saber. 

Não, meu senhor, eu não estou interessado no que disse à gaja da contabilidade. Sim, essa que nem mamas tem para os decotes que usa. 

Aborrece-me quase tanto, como ser obrigado a ouvir a sua justificação para o facto de a sua suposta nova namorada ter sido vista em casa de outro marmanjo, no mesmo dia e hora em que o caro amigo jurava ter feito o triplo salto nas cuecas da moça. Não me importo que seja mentiroso, só não quero saber. Ne-ão cu-é-ro sa-ber! Quero dormir, apenas. Importa-se de sair dos meujóbidos?

Do ponto de vista da ferrovia, o ideal era alargarem o conceito de Adults Only. Estenderem o seu âmbito, até ser o mesmo dizer Adults Only ou Silva Apenas, pronto. Uma carruagem só para o Silva. 

Nem era tanto para dormir descansado, embora também. Era mais para não me enervar. Na Medicina do Trabalho, disseram que eu devo ter atenção aos nervos. Foi logo depois de me entregarem uma ficha a dizer "Apto" e antes de me darem os bons-dias. Não suporto má-educação.

- Também é fácil pensar numa carruagem adults only, só contigo lá dentro. - Entre descascar um amendoim e emborcar um golo de cerveja gelada que lhe deixa uma bigodaça de espuma. Viro-me instintivamente para o freguês da outra ponta do balcão, para evitar a forma como ela vai limpar a espuma das beiças. - Isso, pira-te, mariquinhas.

- Hã?

- Nada, Silva. Perdi um amendoim no meio das cascas, só isso.

...

Não, o título desta posta não era Publicidade Enganosa. Era só isto, mesmo. 

Agradecido, como sempre, pela visita. Agora, vou para minha casa. Viva o FCP, pronto.

...

Soundtrack to planes, trains, cars and adults: Last ride of the day.

10 comentários:

  1. Essas cenas dos "adult only" aparentam ter a sua piada... É, as minhas férias, as an adult, também foram sempre recheadas de miúdos. Com bombas prá piscina que me faziam o coração saltar umas quantas batidas, gritaria e correria, birras e baba e ranho. Oh well, romances históricos, coisas sobre guerras e enciclopédias é que não; as escolhas sempre foram outras e o importante era haver muito para ler, para compensar um resto de ano sem tanta disponibilidade assim.
    E sim, claro, houve muitas alturas em que a simples ideia de um "adult only" teria sido como o paraíso na Terra. Mas não foi.

    Bottom line, eu também não me incomodo assim tanto com pessoas (fora aquelas que me incomodam), mais das vezes, ignoro com muita força e a coisa dá-se. Mas vai-se a ver é porque eu tenho o cuidado de dormir as horas apropriadas antes de me meter em comboios e assim! Ceeeeerto??... :@

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos tantas coisas em comum, querida freguesa. Havíamos de ir jantar e conversar, um dia destes. Num restaurante só para adultos, por exemplo :)
      Quanto aos comboios, não tenho como saber. Eu quase nunca ando de comboio... ;)

      Eliminar
  2. Tb nao suporto os filhos dos outros. E porque raio ha-de a minha vida ser importunada por eles?

    Mais a mais, acho bem o adults only, o malta do rock only, o gajas boas only e outras coisas tais only.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O gajas boas only nem é exclusão, é uma questão estética e ambiental. Parecendo que não, para além de mais boas, também dão melhor ambiente :)

      Eliminar
  3. Sabe o que era fixe mas mesmo fixe...

    Era pegar nesta ideia e adaptá-la ao DRAGÃO

    Support Zone | Portistas Only

    E talvez assim se deixasse de ouvir saltos para a água(ler assobios) para se ouvir...

    Allez, Porto, Allez...
    Nós somos a tua voz,
    Queremos esta vitória,
    Conquista-a por nós !!!

    Então assim era de certeza cincazero...

    O FRINCHAS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh Frinchas, há muito Portista a portar-se mal. Era assobiá-los até se calarem! :)

      Eliminar
  4. Inspiradissimo, sócio. Coincidência ou não, deixou de fora o Porto.

    Gosto muito do conceito "Me only", cada vez mais. Tirando aquelas coisas que têm mesmo que ser a dois (pelo menos).

    P.S. - You've got mail

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, que fofo, a fazer de Tom Hanks :)
      Obrigado pá. Mas olha que o cunbibio depois ressente-se dessa solidão. E o cunbibio é importante. Sobretudo na zona Gajas Boas Only do Artur. Lá em cima :)))

      Eliminar

  5. @ Silva

    "com os seus livros complicados. Romances históricos e coisas sobre guerras e enciclopédias e assim.". e com o 'Equador', também. fica sempre bem no psiché, ou junto à piscina.

    portanto, hoje foi um 'adults only', mas sem mamas... também está bem, assim...

    ps:
    exceptuando a tua mais-do-que-tudo, 'you've got only male in here' {piada fácil}

    #cincazeroSilva

    abr@ço forte
    Miguel | Tomo III

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, pub enganosa, pá!
      É uma Tasca, a patroa põe os moços todos na ordem :)
      Abraço
      PS. Viste-me a fintar o Tavares, cheio de pinta? Zen! ;)

      Eliminar