quinta-feira, 19 de outubro de 2017

A Culpa é do Cavani - Strap, strap

Resumo de Leipzig: não jogámos um piço! Azul.

Agora que já todos disseram tudo, é natural que sintam que é tempo de, realmente, perceberem o que se passou em Leipzig. Nada temei, oh valentes, cá estão os imbecis habituais para trazerem uma abençoada chuva de sabedoria sobre as vossas cabeças, que ardem de ignorância. Ou então é uma resma de disparates, uma delas.
O facto é que, muito à minha conta e nas boas graças dos ventos Vassalianos, por fim alguém parece ter deixado de fazer de conta que o jogo na Alemanha, o propriamente dito, é que era o mais importante da última terça-feira. Digam lá o que quiserem, escondam-se na hipocrisia do "o que importa é a bola e assim", façam de conta à vontade. Por aqui, foi-se direto ao elefante: Será que o Lusitano de Évora é mais forte que "O Calipolense" Clube Desportivo de Vila Viçosa?
Infelizmente, concluiu-se que não jogam na mesma divisão, pelo que o assunto depressa se esgotou e tivemos que nos pôr a falar de outra coisa qualquer. Olha, e se discutíssemos guarda-redes? Boa! Lembram-se daquele que era muntabom? Opá, o Espanhol, pá. O que tinha um nome parecia uma loja de móveis. Quais Moviflor, quais caralho! Isso! Ikerea, esse mesmo! Que passou se com ele? Não sabemos, mas o Vassalo jura que viu um tipo, que trataremos apenas pelas iniciais SC para não se saber quem é, a apalpar a Sara Carbonero toda.
Como quase sempre, valha-nos o equilíbrio do nosso defesa central Italiano Bertocchini, para temperar o tufão de indignação dos outros estarolas. Desta vez, com direito a um momento de introspeção tocante e uma revelação pessoal que mais parecia a porta de um armário a abrir com estrondo. 
Deixem-se de merdas, vocês não conhecem suficientemente a legislação para saberem se me podem processar por publicidade enganosa. Inchem!
Enfim, é mais uma tentativa minha para arranjar maneira de ganhar a vidinha a fazer o que faço melhor: estar sentado a dizer alarvidades sem ponta por onde se lhes pegue. Vocês bem podem contribuir para isso, só vos fica bem. Basta terem 55 minutinhos de paciência e clicarem aqui abaixo. Isso, andem lá, não dói nada, reparem que o artefacto do amor tem ar de ser bastante macio...


Quem quiser continuar a ouvir pelo site, tranquilo, é só usar o leitor que está embutido no post de cada episódio. Quem ouvir usando uma app, seja iTunes, Podcast Addict, Pocket Casts, Podcast Republic ou tantas outras que por aí andam, pode encontrar o Cavani aqui:
Todos os episódios anteriores estão no site e no feed RSS, pelo que, como de costume, amandem as vossas postas para cavani@porta19.com!

Sem comentários:

Publicar um comentário